Uma avaliação das características da compulsão alimentar periódica em indivíduos com transtornos alimentares: uma revisão sistemática e meta-análise

prof

Uma avaliação das características da compulsão alimentar periódica em indivíduos com transtornos alimentares: uma revisão sistemática e meta-análise.

Esse texto foi baseado no artigo: ‘’ An evaluation of binge eating characteristics in individuals with eating disorders:

A systematic review and meta-analysis’’, publicado em 2021 na revista Elsevier.


INTRODUÇÃO


Os transtornos alimentares (TAs) são definidos como condições psiquiátricas que caracterizam inadequação no consumo, no padrão e/ou no comportamento alimentar, sua etiologia é multifatorial e compromete a qualidade nutricional, a saúde física e o desenvolvimento psicossocial desse indivíduo.

Dentre os critérios diagnósticos do TAs, o episódio de compulsão alimentar é um dos principais, especialmente em indivíduos com Transtorno de Compulsão Alimentar (TCA), Bulimia Nervosa (BN) e Anorexia Nervosa (AN) do tipo purgativa. A definição para um episódio de compulsão alimentar é caracterizada pelo consumo excessivo de alimento e um curto espaço de tempo, seguida de uma sensação de perda de controle diante desse consumo.

Estudos demonstram lacunas ao tentar padronizar não só a quantidade de alimento consumido, como também o curto espaço de tempo. O estudo mais recente que avaliou as características da compulsão alimentar foi publicado em 2009. Esta evidência motivou a realização de novos estudos para atualizar a literatura existente e comparar os resultados da pesquisa na primeira meta-análise.

Este estudo, tem como objetivo fornecer uma síntese atualizada sobre ingestão calórica, duração dos episódios de compulsão alimentar, bem como sua associação com a psicopatologia geral.


METODOLOGIA

Trata-se de uma revisão sistemática e de meta-análise, para a revisão os estudos incluídos foram aqueles conduzidos em laboratórios e/ou ambientes clínicos que avaliaram a ingestão calórica, a duração e o tempo dos episódios de compulsão alimentar em indivíduos com AN-P, BN, TCA.

Os estudos realizados em laboratórios monitoraram o comportamento alimentar usando uma refeição teste com um ou vários itens. E em ambientes clínicos os indivíduos deveriam incluir diários alimentares de autorrelato prospectivos e/ou retrospectivos, bem como informações descritivas coletadas através de questionários e pesquisas.

Os participantes eram indivíduos com TAs de acordo com os critérios diagnósticos das versões do Manual de Diagnóstico e Estatísticos de Transtornos Mentais (DSM - III) e a Classificação Internacional de Doenças (CID) independente do sexo e local de tratamento.

Em relação a meta-análise avaliaram a ingestão calórica durante os episódios de compulsão alimentar em BN e TCA no laboratório e na clínica, bem como, em indivíduos com AN-P. Avaliaram diário alimentar e recordatório alimentar, bem como, a possível relação entre o IMC e a ingestão calórica nos episódios de compulsão alimentar.


RESULTADOS

Os resultados do presente estudo indicam que não existe uma diferença significativa entre a ingestão calórica média nos episódios de compulsão alimentar em estudos clínicos comparando participantes com BN aqueles com TCAP. No entanto, participantes com BN demonstraram ingestão calórica maior nos episódios de compulsão alimentar no laboratório.

O estudo encontrou uma associação positiva entre os episódios de compulsão alimentar e os sintomas depressivos.

Referente a ingestão calórica média em participantes com AN-P apenas um estudo avaliou. Mostrando que os episódios de compulsão alimentar são bastante invariáveis.

Estudos que utilizaram métodos como recordatório alimentar, mostraram maior ingestão calórica nos episódios de compulsão alimentar em comparação aos estudos realizados com diários alimentares. Esse achado é consistente com estudos anteriores que demonstram que a quantidade consumida por ser superestimada com métodos como recordatório e que e que a memória dos participantes pode está relacionada à imprecisão.

Os resultados sugerem um mérito para investigar mais características da compulsão alimentar em indivíduos com transtornos alimentares:1) métodos confiáveis e padronizados; 2) uma avaliação dimensional dos episódios de compulsão alimentar; 3) análise de associações potenciais de episódios de compulsão alimentar e psicopatologia geral; 4) investigação da validade preditiva dos episódios de compulsão alimentar; 5) investigação das características dos episódios de compulsão alimentar em amostras masculinas e em população pediátrica; 6) diferença da ingestão calórica nos episódios de compulsão alimentar entre os diferentes transtornos.


CONCLUSÃO

Há escassez nos estudos em relação aos episódios de compulsão alimentar em pacientes com AN-P. A ingestão calórica em indivíduos com AN-P e TCA foi caracterizada pelo grande consumo de calorias, principalmente em indivíduos com BN em estudos realizados no laboratório. Para pesquisas futuras realizar mais estudos em amostrar clínica no sexo masculino e em população pediátrica.


Autora: Thayane Pereira Teixeira - (@thayanepereira_)  CRN: 4/ 18101464

Revisão técnica: Fellipe Augusto de Lima Souza – (@fellipeaugust) CRP: 06/138263



Card image cap
  • Dra. Evelyn Tribole
  • Quarta-feira 22/07 das 8h às 9h (horário de Brasília)
  • 6 aulas gravadas online para o Português
  • Vagas Limitadas

O que é o Comer Intuitivo? É uma abordagem de intervenção no comportamento alimentar focado na melhora da relação com alimentação, corpo e mente.

Através do treinamento baseado em evidência serão aprofundados durante seis encontros os métodos e conceitos do Comer Intuitivo, buscando a reconstrução a relação dos pacientes com a comida a partir de dez princípios básicos.

O curso será ministrado por Evelyn Tribole - coautora do best-seller "Intuitive Eating, a Mind-body Self-care Eating Framework with 10 Principles" e uma premiada nutricionista. A partir de seu manual tiveram origem mais de 125 estudos que evidenciam seus benefícios.

Ela já certificou mais de 1.100 profissionais em 23 países e, graças a sua parceria com o CEBRATA, agora será a vez dos brasileiros!

Esse treinamento busca ensinar aos profissionais técnicas de aconselhamento baseadas na alimentação intuitiva.


Card image cap
Resultados adversos na gravidez e pós parto e a associação com transtornos alimentares

Artigo baseado no texto Eating disorders are associated with adverse obstetric and perinatal outcomes: a systematic review publicado em 2021 no Brazilian Journal of Psychiatry

Card image cap
O corpo questiona e a mente julga: Desejos por comida em Transtornos Alimentares

Esse texto foi baseado no artigo The body asks and the mind judges: Food cravings in eating disorders publicado em Janeiro de 2020 na L’Encéphale - journal of general Psychiatry.

Card image cap
Transtornos Alimentares em pacientes pós cirurgia bariátrica: A cirurgia bariátrica está envolvida no desenvolvimento de transtornos após o procedimento?

Este texto foi baseado no artigo The Development of Feeding and Eating Disorders after Bariatric Surgery: A Systematic Review and Meta-Analysis publicado em 2021 na Revista Nutrients.